10.1.11

Férias Perfeitas





Agente se ilude pensando que a palavra "férias" significa largar o trabalho e atravessar o oceano para ver todos os filmes ,todas as exposições e cair de boca nas compras.Mas que nada,férias de verdade mesmo seria se todos os momentos do dia fossem só prazeres-o que,convenhamos,não é fácil.
Nada de aproveitar e ir ao médico para trocar o grau dos óculos,tirar aquele sinal da pele ou fazer um check-up;dentista,nem pensar.Para cuidar dessas coisas desagradáveis,você tem 11 longos meses no ano.
Para que as férias sejam mesmo ideais,é preciso que o Universo conspire a seu favor ,e essa é a parte mais difícil,apesar do que afirma Paulo Coelho.A família,por exemplo,só deveria aparecer para dar boas notícias,e alguém se encarregaria de censurar os jornais,escondendo todas as tragédias,a fim de afastar qualquer pensamento que não seja de alegria,fé e esperança.
Nesse mês,seria permitido parar o carro em fila dupla ás 6 da tarde em qualquer lugar da cidade para comprar uma sandália nova, e o governo baixaria uma medida provisória determinando que quem está de férias não paga conta nenhuma:o gás,a luz,o telefone,o aluguel,o médico,o cabeleireiro,o colégio das crianças,os restaurantes,o supermercado,e até as delicatessens respeitariam o nosso direito à felicidade e à despreocupação.Não seria um sonho?
Tem mais:ficaríamos liberadas da ginástica,e um dispositivo especial filtraria os telefonemas e só liberaria os chamados de pessoas muito queridas.Não choveria,a temperatura oscilaria entre 20 e 25 graus de dia e cairia à noite,o suficiente para que as mulheres pudessem sair de mantô com suas botas maravilhosas,com elas adoram.
Durante esse mês,os amigos estariam amando e sendo muito amados,sem problemas de dinheiro,e os mercados estariam cheios de mangas,morangos,jabuticabas,cajus e pitangas-tudo ao mesmo tempo.Os ladrões e assassinos dariam trégua a quem estivesse de férias,a seleção do brasil jogaria durante quatro domingos seguidos uma final de Copa( e venceria sempre).Seriam 30 dias em que não se pegaria um só resfriado,a coluna não daria sinal de vida,o plano de saúde dispensaria o pagamento da mensalidade e quem desse más notícias seria preso.Antigos namorados apareceriam com flores e bombons dizendo que você foi a mulher da vida deles,o que é sempre muito bom de ouvir.Os filhos não nos dariam preocupações,e até aquela cozinheira maravilhosa que te deixou para abrir um restaurante bateria na sua porta querendo voltar.
Quando você andasse na rua,ouviria as pessoas sussurando:"Ah,mas que mulher linda,nunca vi nenhuma mais bonita",e isso levaria sua auto-estima ás alturas.E durante esse tempo seria possível comer travessas de empadinhas e rissoles de camarão,seguidas de montanhas de brigadeiros,e ainda arrematar com um prato enorme de fios de ovos na certeza de que,no dia seguinte ,o ponteiro da balança estaria no mesmo lugar,como se tivessee sido colado com SuperBonder.E não se faria uma só mala,não se pisaria num só aeroporto,não se compraria um só euro.Essas seriam as melhores férias do mundo-ou a gente não merece tanto?


(Danuza Leão é cronista,autora de vários livros,entre os quais Na Sala com Danuza 2(ARX) e Quase Tudo(Cia. das Letras).

Créditos da Foto:*http://vstahler.tumblr.com/

                                                                       Beijos Ela

1 comentários:

  1. Parabéns! Você passou pra próxima fase no concurso no blog Doce meio Amargo. Vá até lá e veja como será a próxima fase.

    ResponderExcluir

 
Páginas em Preto © Todos os direitos reservados.