25.2.13

A Distância



Olá pessoal.O assunto abordado na postagem de hoje será o “componente” distância.

Explico-me melhor. Existirá ponto tolerável para a distância em um relacionamento? A proximidade física – por si só – é capaz de determinar e ditar o sucesso de algum envolvimento?

A questão por certo é tormentosa. Não será fornecida uma “resposta adequada/certa” – o texto de hoje não tem tal pretensão (e sinceramente) – não vejo como responder a tais questionamentos de maneira satisfatória – deixando margem tão somente para especulações.

Por óbvio e penso que os leitores concordarão comigo – a proximidade comporta um valor quase sacrossanto. Tem um peso enorme que não pode ser desprezado! Mas não julgo que tão somente a proximidade corporal (se posso me expressar assim) seja o fator imprescindível.

Vejamos. Tomemos uma situação-exemplo para ilustrar a conclusão acima. Modernamente, um exemplo muito fácil de ser visualizado e bem próximo a nós (os relacionamentos iniciado-continuados eletronicamente,os relacionamentos à distância).

Se o leitor me concede licença usarei uma experiência pessoal para discorrer sobre o assunto. Já tive relacionamento - e por um bom tempo – dessa maneira e pude perceber alguns caracteres bem particulares.

A distância aumenta sensivelmente a realidade de todas as coisas. Lembro-me de antes de conhecer pessoalmente a pessoa – a imaginação moldava um mundo paralelo. Começava a pensar nos aspectos em seus pormenores, imaginar uma conversa longa, uma risada, se todas aquelas impressões firmadas a distância se confirmariam, etc.

O curioso é que o próprio conceito de distância se trai nesses tipos de relacionamentos. Você se sente mais perto daquela pessoa com quem passa horas no celular/telefone, internet – muito mais do que com as pessoas que partilha o cotidiano (algum leitor já sentiu essa sensação)?

A distância também pode ser trabalhada em relacionamentos já existentes. Penso que toda relação necessita ter um momento próprio para afastamento, distância, sob pena de sufocamento de um dos envolvidos.

Não há como discordar da frase genial – atribuída a Tristão de Athaide - “Saudade é a presença da ausência” (nada como uma distância aceitável para se valorizar o outro).

Até a próxima.


9 comentários:

  1. Adorei o texto! Só quem passa pra saber o significado da distância.. Beijos, Cantiinho da Bia

    ResponderExcluir
  2. A distância pode atrapalhar sim um relacionamento, mas não pode ser usado como o principal problema. Acredito que se o casal souber levar essa situação confiando e respeitando quem está com você já é um grande passo.
    Adorei o texto.
    Boa semana, beijo.

    ResponderExcluir
  3. Eu realmente acho que a distância não é tão importante,tenho uma amiga que mora no RS e simplesmente ela vale mais que qualquer uma pessoalmente!
    vestindo-ideias.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  4. Gostei muito de ler o teu post porque eu estou neste momento num relacionamente à distância, eu no norte de Portugal e ela em Lisboa. Já estivemos e passamos bons momentos juntos, mas a saudade chega sempre! Estamos a lutar que tudo dê certo e mantemos contacto diário. Estamos a lutar que ela consiga estágio aqui na zona para podermos estar mais vezes juntas!

    Obrigada por teres ido ao meu blog e por teres comentado, foi bom ler. O meu novo post é sobres Londres, vais-te rir! Espero que gostes.

    Beijinhos e até breve Glammie*

    http://pinky-glamour.blogspot.pt

    ResponderExcluir
  5. Tem uma promo no ar lá no blog! Participa? :)
    Abraço,
    Vinícius - Livros & Rabiscos

    ResponderExcluir
  6. Acho que um relacionamento a distancia até pode dar certo, mas é raro, eu mesmo já namorei a distancia (só que já namorávamos - "pessoalmente" - e depois fui estudar fora e continuamos), durou quase 1 ano, só que como ele era ciumento demais, possessivo demais, acabou por não dar certo, porque ele sempre acabava fantasiando, imaginando coisa onde não tinha. Quando há responsabilidade e maturidade de ambas as partes, além de se verem de vez enquanto, acho que até pode dar certo. Adorei o texto, ótimo mesmo!
    www.espacegirl.com

    ResponderExcluir
  7. Meu namorado mora em outra cidade um pouco longe também,estamos juntos ha quase 3 anos,mas tinha muita gente que não acreditava na gente :)
    beijos


    www.izabellagrimaldi.com

    ResponderExcluir
  8. Não costume me dar bem com a distância e acho que é por esse motivo que o destino conspira ao meu favor, vejo meu namorado todo dia então fico longe dele 23 horas por dia e quando ficamos muitos tempo (uma semana) distantes começa a esfriar um pouco e a gente acaba brigando

    http://enfimshakespeare.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Adorei o texto.. Eu sempre tendo que lidar com a saudade, por causa da distancia, em minhas relações amorosas...
    Não conhecia a frase. Genial!!

    Curtiu? Curta!
    http://www.facebook.com/pages/BLOG-Angel-Poubel/593476004003339?ref=hl

    Big bj ;*
    http://angelpoubel.blogspot.com.br

    ResponderExcluir

 
Páginas em Preto © Todos os direitos reservados.