3.2.16

Aos Ingratos




“Fazer o bem sem olhar a quem”, “Fazer o bem sem esperar algo em troca”, você daria ouvido a essas frases logo após um episódio de ingratidão?,Sim?Não?.Vamos conversar um pouco mais sobre isso hoje.
Não existe sentimento pior do que você mover céus e terra por alguém e a mesma não “corresponder da mesma forma”, digo isso por experiência própria, é uma sensação horrível você ajudar alguém e depois quando você precisa a mesma simplesmente não pode fazer o mesmo, e isso é ainda pior quando no meio de tudo isto existe sentimento, em especial, o amor.

Entretanto algo que eu sempre ouvi durante a minha vida e que levo para sempre é:Deus sempre reconhece o bem que fazemos,ao contrário de nós seres humanos que somos falhos e hora ou outra(ou sempre)pisamos na bola uns com os outros.

Pegando o gancho nesse assunto,será que nós não criamos grandes expectativas em relação ás pessoas?,e no fim se elas não fizerem algo que esteja de acordo com o nosso script ficamos desapontadas a ponto de rotularmos a mesma como ingrata?

Sim,eu sei que existem pessoas que são de fato ingratas,mais existem algumas que simplesmente não são dessa maneira,principalmente pelo fato de que o nível de importância de certas questões varia de pessoa para pessoas,podemos utilizar como um exemplo bem básico o seguinte fato:você pode amar e achar importante fazer uma festa surpresa para os seus amigos(afinal,você se importa com eles),porém,algum deles pode achar isso algo grandioso demais(algo mais simples seria melhor),resumindo,o amor que o mesmo sente por você será o mesmo,porém a forma com que ele demonstra isso com você ou com outras pessoas é diferente da sua,não querendo dizer que a mesma é ingrata entende?



E por fim, se por acaso você esteja passando por isso ou já tenha sofrido o mesmo, não pague na mesma moeda. Você ajudou alguém e a mesma nem lhe agradeceu?, não tem problema, siga a sua vida sabendo de que você o melhor que pode.

Devemos estar conscientes também que em algum momento de nossas vidas(querendo ou não)fomos ingratos com alguém(como eu disse acima nos somos falhos),se caso isso tenha acontecido com você não deixe de pedir desculpas(se for possível,afinal,existe "n" situações)e faça diferente daqui para frente.

(*Texto de minha autoria)


Siga o Páginas nas redes sociais:



6 comentários:

  1. Entendo bem esta questão Rafa.. no fim nós que saímos como os "chatos" e por aí vai..

    Caso queira conversar mais me escreva: fernandadeoliveirabrito@gmail.com

    Um beijo,

    www.purestyle.com.br

    ResponderExcluir
  2. Texto incrível, muito bem escrito. É uma frase constante do meu vocabulário: ' o pior defeito que uma pessoa pode ter é a ingratidão.' Realmente me tira do sério. Tenha um dia abençoado, beijos!

    Blog Paisagem de Janela
    paisagemdejanela.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  3. Eu me ressinto muito perante a ingratidão. Ingratidão dói!

    ResponderExcluir
  4. Texto maravilhoso assim dizia a minha vó a ingratidão perde a feição
    postagem maravilhosa
    Blog: http://arrasandonobatomvermelho.blogspot.com.br/
    Meu vídeo:https://www.youtube.com/watch?v=apP6eHn5PlI

    ResponderExcluir
  5. Acho que todos em algum momento passamos por isso,e pior que é muito ruim esse sentimento de ingratidão se não talvez um dos piores.
    Texto perfeito,arrasou!
    Bjim

    http://vitaminafeminina.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  6. Opa! Oi Rafa, tudo bem? Entendi perfeitamente o que você quis dizer. Sempre que ajudo as pessoas não fico esperando algo em troca e quando preciso posso sempre contar com a minha família, o que é uma ajuda grandiosa. Acontece que às vezes não damos abertura o suficiente e as pessoas acham que não devem nem chegar perto, e é nesse momento que são rotuladas como ingratas. É sempre bom analisar os dois lados e nunca ficar na expectativa. Enfim, aprendi o verdadeiro significado da frase "fazer o bem sem olhar a quem" e a realmente não esperar nada em troca, já que quase sempre que eu ajudo alguém um simples olhar sincero já compensa todas as outras coisas não ditas ou não feitas. Beijos, Leve como a brisa

    ResponderExcluir

 
Páginas em Preto © Todos os direitos reservados.