12.6.16

Tem amor que acende a lua(Por Sílvia Amélia)





Mas também tem aquele que apaga o seu brilho e a torna uma pessoa opaca(e nem deveria ser chamado de amor).
Numa aula do curso de jornalismo,pedi a cada estudante que escrevesse um texto sobre si mesmo.Li em voz alta um trecho de uma aluna que dizia:"Tenho um namorado maravilhoso".Expliquei que o "maravilhoso",nesse contexto,não significava nada,já que se espera que todo o namorado seja maravilhoso.A turma toda me olhou intrigada."Uai,gente,se o cara não é maravilhoso com você,não tem por que ele continuar sendo seu namorado,não é?Eles riram.Na verdade,meu objetivo como professora era ensinar que fatos são mais convincentes do que adjetivos.


Quando fossem escrever suas reportagens,eles deveriam se lembrar de descrever pessoas com base nas suas atitudes.
Mas acho mesmo que todo namorado deveria ser maravilhoso,ainda que saiba que muitos deles não passam nem perto disso.Maravilhoso é o namorado que acende a sua vida.Já repararam que tem o "namorado que acende" e o "namorado que apaga"?O namorado que acende ilumina nossa história.Ao lado dele,a gente sente uma onda de alegria,coragem e liberdade.Ele nos dá força e faz com que sejamos exatamente como somos,só que melhores.

Sentimos mais energia,mais clareza sobre nossos desejos.Namorado que acende é aquele que bota pra frente,que comemora suas vitórias.Qualquer pessoa vê o brilho de uma mulher que tem um cara assim com ela.

E todo o mundo também percebe,se reparar bem,quando o namorado apaga a moça.É aquele que não gosta do chefe dela(mesmo que ela o adore) e que diz que os amigos de faculdade são todos idiotas.Critica quando ela corta ou pinta os cabelos e acha estranho que ela queira viajar sozinha.E tem certeza de que o curso que ela sonha em fazer no exterior não vai levar a progresso nenhum na carreira dela.O namorado que apaga não confia nos talentos da namorada.E,por acreditar nele,ela acaba se tornando uma pessoa opaca.Daí que eu só penso uma coisa:pra quê?Qual o sentido de continuar ao lado de alguém que apaga a sua existência?


(Texto escrito por Sílvia Amélia,publicado na Revista Gloss/Setembro 2010).

Siga o Páginas nas redes sociais:



3 comentários:

  1. Nossa Rafa esse é O TEXTO amei e concordo com tudo, as vezes a pessoa quer tanto estar com alguém que não percebe que está perdendo a si mesma aos poucos..


    Ciranda da Bailarina

    Beijos

    ResponderExcluir
  2. Rafa, aqui posso postar esse texto no meu blog? me identifiquei imensamente !!

    Bjo

    ResponderExcluir
  3. Muito lindo o texto! Amei! Reflexivo.

    E concordo.

    Beijos.

    Blog Jovens Mães

    ResponderExcluir

 
Páginas em Preto © Todos os direitos reservados.